Elevador de vidros de automóvel



Vidros elétricos completos

Aqui está a lista de peças para Vidros elétricos completos por marca e modelo:



Vidros Elétricos Completos mais popular

-35%

Acessar a peça Regulador manual dos vidros da porta direita

-35%

Acessar a peça Regulador de vidro manual da porta dianteira direita

-35%

Acessar a peça Vidro elétrico da porta dianteira direita
Vidro elétrico da porta dianteira direita

OEM: 807009F500

91.10 €

-35%

Acessar a peça Elevador de vidro elétrico porta dianteira esquerda 3ptas/5ptas

-35%

Acessar a peça Vidro elétrico da porta dianteira direita
Vidro elétrico da porta dianteira direita

OEM: 7700303553

47.75 €

-35%

Acessar a peça Elevador elétrico do vidro da porta traseira esquerda

-35%

Acessar a peça Vidro elétrico da porta dianteira esquerda

-35%

Acessar a peça Vidro elétrico da porta dianteira direita
Vidro elétrico da porta dianteira direita

OEM: 1U0837462B

73.05 €

Marcas Vidros Elétricos Completos mais popular

REGULADOR DE VIDROS ELÉCTRICOS

Um regulador de vidros eléctricos é um sistema de automação concebido para abrir e fechar os vidros de um veículo de forma eléctrica e automática, sem necessidade de esforço físico por parte do condutor ou dos passageiros. Este sistema utiliza um motor elétrico para controlar o movimento de subida e descida dos vidros, o que facilita o funcionamento e melhora o conforto no interior do automóvel.

Em vez de rodar manivelas ou utilizar mecanismos manuais para mover os vidros, um elevador de vidros eléctricos permite que os ocupantes do veículo activem o sistema através de interruptores ou botões localizados no painel de controlo das portas dianteiras e, por vezes, na consola central. Ao premir o interrutor adequado, o motor elétrico sobe ou desce o vidro de forma suave e controlada.

ELEVADOR MANUAL DE VIDROS

Este sistema é utilizado em alguns veículos e permite que os vidros sejam levantados e baixados mecanicamente, ou seja, sem a ajuda de um motor elétrico. Este sistema consiste essencialmente numa manivela ou num manípulo que se encontra normalmente na porta do condutor ou do passageiro, perto da janela. Rodando a manivela na direção apropriada, ativa-se um mecanismo interno que move a janela para cima ou para baixo.

As janelas controladas por um elevador manual são comuns em veículos mais antigos ou em modelos económicos, em que o objetivo é reduzir os custos e simplificar o sistema de elevação das janelas. Embora este sistema seja mais básico e exija esforço físico para subir ou descer os vidros, apresenta também algumas vantagens, como a simplicidade de funcionamento e a ausência de componentes eléctricos que podem falhar.

Em suma, um elevador de vidros manual é um sistema mecânico que permite a operação manual dos vidros de um automóvel através de uma manivela, ao contrário dos elevadores de vidros eléctricos que utilizam um motor elétrico para realizar esta tarefa automaticamente.

COMPONENTES DO REGULADOR DE VIDROS

O sistema de vidros eléctricos de um automóvel é composto por vários componentes essenciais que funcionam em conjunto para permitir o movimento ascendente e descendente dos vidros. Estes componentes incluem:

Motor elétrico: O coração do sistema é o motor elétrico, que fornece a potência necessária para mover a janela para cima ou para baixo. Este motor está ligado a um mecanismo de engrenagem que converte a energia eléctrica em movimento mecânico.

Mecanismo de elevação: O motor elétrico está ligado a um mecanismo de elevação constituído por uma série de braços e calhas. Estes componentes guiam a janela de forma suave e precisa à medida que esta sobe ou desce.

Interruptores e botões: Os vidros eléctricos estão normalmente equipados com interruptores e botões localizados no painel de controlo da porta da frente e, frequentemente, na consola central. Os ocupantes do veículo podem utilizar estes controlos para subir ou descer os vidros de acordo com as suas preferências.

Cablagem eléctrica: Todo o sistema está ligado por uma cablagem eléctrica complexa que permite a transmissão de energia eléctrica da bateria do automóvel para o motor do vidro elétrico.

COMO SABER SE O REGULADOR DO VIDRO ESTÁ AVARIADO

A janela não se move: O sinal mais óbvio de um problema com o motor do vidro elétrico é quando a janela não se move de todo. Se premir o interrutor e não ouvir qualquer som ou se o vidro não se mover, o motor está provavelmente danificado.

Ruídos invulgares: Se ouvir ruídos invulgares, tais como estalidos ou zumbidos, quando tenta subir ou descer o vidro, pode ser uma indicação de que o motor de elevação do vidro está danificado.

Movimento lento ou intermitente: Um motor do vidro elétrico danificado pode fazer com que o vidro se mova lentamente ou de forma intermitente, parando e depois retomando o movimento.

Janela desalinhada: Se a janela parecer desalinhada ou se inclinar ao mover-se, pode ser um sinal de um problema com o mecanismo da janela, incluindo o motor.

COMO LIDAR COM UM PROBLEMA NO MOTOR DA JANELA

Consultar um profissional: Para qualquer um destes sinais de problemas no motor do vidro, é aconselhável consultar um mecânico ou uma oficina automóvel. Estes têm a experiência e o equipamento necessários para diagnosticar e reparar estes problemas de forma eficaz.

Substituição do motor: Se for confirmado que o motor do vidro elétrico está avariado, pode ser necessário considerar a sua substituição. Os profissionais poderão fornecer-lhe as opções adequadas e efetuar a instalação necessária.

Manutenção preventiva: Para evitar futuros problemas com o motor dos vidros eléctricos, é importante efetuar uma manutenção regular do sistema de vidros eléctricos. Lubrificar os mecanismos e certificar-se de que tudo está a funcionar corretamente pode prolongar a vida útil do motor.


QUANTO CUSTA A REPARAÇÃO DE UM REGULADOR DE VIDROS ELÉCTRICOS


O preço da reparação de um vidro elétrico de um automóvel pode variar significativamente, dependendo de vários factores. Os preços podem variar consoante a região, o tipo de veículo e a gravidade da reparação necessária. Seguem-se alguns factores que podem influenciar o custo da reparação de um vidro elétrico:

  • Tipo de reparação: O custo dependerá em grande medida da natureza da reparação. Algumas reparações podem ser simples, como a substituição de um interrutor ou fusível defeituoso, enquanto outras podem ser mais complexas, como a substituição do motor do vidro elétrico ou a reparação do mecanismo de elevação.
  • Peças de substituição: O custo das peças de substituição é um fator importante. Os preços das peças podem variar consoante a marca e o modelo do veículo. As peças originais do fabricante podem ser mais caras do que as alternativas pós-venda.
  • Mão de obra: O tempo necessário para concluir a reparação influenciará o custo total. As oficinas cobram normalmente uma taxa de mão de obra por hora, pelo que as reparações mais complicadas ou demoradas podem resultar em custos de mão de obra mais elevados.
  • Localização geográfica: Os custos de mão de obra e os preços das oficinas de reparação podem variar consoante a localização geográfica. As zonas metropolitanas tendem a ter preços mais elevados do que as zonas rurais.
  • Marca e modelo do veículo: Alguns veículos podem ter designs mais complexos que exigem mais tempo e esforço para aceder ao sistema de vidros eléctricos, o que pode aumentar o custo da reparação.

Dito isto, de um modo geral, o custo da reparação de um vidro elétrico pode variar entre algumas centenas de euros e mais de mil euros ou mais, dependendo dos factores acima mencionados. Para obter uma estimativa precisa, é aconselhável contactar uma oficina de reparação automóvel, fornecer detalhes específicos sobre o problema e solicitar um orçamento detalhado. Além disso, não se esqueça de perguntar se são oferecidas garantias para a reparação, de modo a ficar descansado quanto à qualidade do trabalho efectuado.